Paulista A tem novo líder e 6 times na briga pela classificação

A terceira rodada do Paulista A se encerrou com um novo líder na ponta da tabela! E a Poli, que venceu com facilidade o Rio Branco, aplicando o maior placar da competição até o momento e empatou em pontos com o Jacareí, mas supera os Jacarés em saldo de pontos, com o melhor ataque e defesa da competição até aqui. as equipes terão uma pausa de duas semanas por conta do feriado e a briga pelas quatro vagas rumo às finais segue no dia 29 de abril, onde cada ponto será decisivo.

Jacareí vence no sufoco e segue firme na ponta
Em seu primeiro jogo fora de casa na competição, o Jacareí superou o Pasteur em jogo duríssimo, colocando frente a frente duas equipes do G4, e a torcida dos Jacarés precisou esperar o apito final para soltar o grito de vitória. A primeira etapa terminou com vantagem magra de 10 a 5 a favor dos visitantes e mesmo sofrendo mais um try logo no início do segundo tempo, o Pasteur se manteve vivo na partida encostando aos 30 minutos de jogo. O Jacareí administrou a frágil liderança com um penal final, respondido pelos Galos da mesma forma, que não conseguiu a virada no final e caiu para a 6a colocação geral, mas ainda firme na briga pela classificação.

Poli não toma conhecimento do Rio Branco e vence com folga
No jogo entre equipes mais distantes na tabela de classificação, a Poli mostrou que definitivamente é uma das equipes a ser batida na competição, com um placar avassalador sobre o tradicional Rio Branco. Mostrando uma intensidade uniforme do início ao fim da partida, a Poli dominou todos os aspectos da partida e abriu boa margem ainda no primeiro tempo. Com elenco afiado e boas peças de reposição, a equipe manteve o alto nível de jogo, ao passo que os Pelicanos viram três peças chave retiradas da partida, derrubando a apresentação da equipe. Com o resultado, a Poli empatou em pontos com o Jacareí, mas leva vantagem no critério de desempate, enquanto o Rio Branco segue sem pontuar ao lado do São Carlos, desenhando desde já uma briga para evitar o descenso direto, reservado ao último colocado.

São José se recupera com grande vitória diante do SPAC
A derrota para a Poli na rodada anterior ficou no passado e a torcida joseense voltou a sorrir com uma bela vitória diante do SPAC, em uma partida marcada por constante alternância no placar. O SPAC abriu a contagem com Fernando Hontalvilla mas rapidamente viu os joseenses passaram à frente com Felipe Gomes e Thiago Campos, mas as equipes foram para a etapa final em igualdade, Raj Spago viria a brilhar mais uma vez nos penais, anotando três deles no segundo tempo, mas o São José usou a força de sua formação avançada para anotar três tries e selar a vitória, que deixa o clube na terceira colocação. Mesmo derrotado, o SPAC segue no G4, com nove pontos, um a menos que o São José.

Band Saracens vence bem e entra na briga pela classificação
Depois de duas boas apresentações em que a vitória escapou por pouco, o Band Saracens desencantou nesse fim de semana, superando o São Carlos na casa do adversário por tranquilos 52 a 8. A partida foi antecedida pela homenagem ao jogador sãocarlense Erick Sabadini, falecido nessa semana, mas em campo, o Sarries não deu trégua para os Rinocerontes, impondo um ritmo forte de jogo desde o princípio e abrindo boa vantagem ainda na fase inicial. O excesso de penalidades acabou prejudicando os visitantes, que teve dois jogadores excluídos ao longo da partida mas ainda assim, não teve sua supremacia ameaçada. Com a vitória o Band chega aos sete pontos e à quinta colocação na tabela, empatado com o Pasteur, seu próximo adversário. O São Carlos segue empatado com o Rio Branco na última colocação e a ameaça de rebaixamento começa a se desenhar para a equipe.

Na próxima rodada, a Poli coloca sua invencibilidade à prova recebendo o SPAC no principal duelo da rodada. Uma nova vitória pode deixar a equipe perto da classificação às finais. O Band Saracens encara o Pasteur em duelo de vida ou morte para as duas equipes. Empatados com sete pontos, dois a menos que o 4o colocado, uma nova derrota para qualquer um dos lados pode diminuir muito as chances passar à próxima fase. Já o São José busca fora de casa uma nova vitória contra o combalido Rio Branco, mesma situação do Jacareí, que vai à São Carlos com o favoritismo do seu lado.

Paulista A – rodada 3
Dia 08/04/2017 às 15h – Rio Branco 09 X 75 Poli
Árbitro: Marcel Santos
Auxiliares de linha: Regis Dantas e Luciano Sampaio
4o árbitro: Renata Martinez
Local: Academia do Barro Branco – São Paulo, SP
 
Dia 08/04/2017 às 15h30 – Pasteur 15 X 20 Jacareí
Árbitro: Murilo Bragottp
Auxiliares de linha: Natasha Olsen e Guilherme Queiroz
4o árbitro: Hebert Ferreira
Local: Arena Paulista de Rugby – São Paulo, SP
 
Dia 08/04/2017 às 15h – São Carlos 08 X 52 Band Saracens
Árbitro: Guillaume Riberá
Auxiliares de linha: Rafael Nichioka e Rodrigo Vicentim
4o árbitro: Vanessa Xavier
Local: Campo da Água Vermelha – São Carlos, SP
 
Dia 08/04/2017 às 15h – São José 38 X 24 SPAC
Árbitro: Mariano de Goycochea
Auxiliares de linha:Victor Hugo Barboza e Lucas Santos
4o árbitro: Gabriela de Pellegrini
Local: CT Ange Guimerá – São Paulo, SP

Classificação

ClubeCidadePJVED4+7-PPPCSP
PoliSão Paulo28760140261106155
JacareíJacareí24751120238118120
SPACSão Paulo23750230270144126
São JoséSão José dos Campos22741231219115104
Band SaracensSão Paulo2174033221313677
PasteurSão Paulo1572053421413381
Rio BrancoSão Paulo571061086396-310
São CarlosSão Carlos170071057410-353

Foto: Daniel Venturole/Portal do Rugby