Poli é campeã Paulista de 2017!

Uma final digna para um dos estaduais mais disputados de todos os tempos foi o presente de Poli e Jacareí para os mais de trezentos torcedores que compareceram ao CEPEUSP e aos quase 10mil que acompanharam pela internet a decisão do Paulista A. Como esperado, as equipes deixaram tudo em campo e o jogo acabou definido somente na prorrogação, com um try matador de Pedro Mantovani, selando o primeiro título da história da Poli na elite estadual.

Ariel abriu o placar da partida logo na primeira subida do Jacareí no campo de ataque com um minuto de jogo em boa investida contra a linha aberta da defesa da Poli. Mas o time da casa não se intimidou e rapidamente tomaram o controle da posse de bola, acuando o adversário dentro de seus 22m, mas a defesa dos Jacarés se mostrou muito bem postada e tudo que a Poli arrancou foi um penal com Orefice aos dez minutos.

A pressão da Poli seguiu sobretudo com o jogo de chutes de Beukes, colocando o trio de fundo do Jacareí sob pressão constante e forçando o time a cometer penais, sempre bem aproveitados pela Poli que virou com mais dois chutes e registrou a primeira virada da partida aos vinte e dois minutos. Mas não houve muito tempo para comemorar, com Estrela colocando novamente o Jacareí na liderança, finalizando uma jogada que começou com Matheus Cruz furando a defesa entre a formação do lineout e a linha de defesa e acionando a linha até a ponta. Já nos minutos finais da etapa inicial, a Poli voltou à liderança com um try típico dos forwards, depois de muitos pick and gos, finalizado por Geanfranco. Leonardo Ceccareli aontou um belo penal e deu números finais ao primeiro tempo, mas seu irmão Lucas acabou recebendo cartão amarelo e causando o segundo desfalque para os Jacarés na partida, depois de Ariel já ter sido punido.

O segundo tempo começou com o Jacareí passando à frente logo no começo com novo chute de Ceccareli, mas a Poli virou novamente com seu tryman Rafael Carnivalle, que entrou somente no segundo tempo e como um touro irrompeu pelo meio dos forwards adversários depois de um lineout bem sucedido e só parou no ingoal. O Jacareí também deixou o seu com uma jogada bem trabalhada com o jogo fechado pela direita e rapidamente acionando Drudi atrás dos centros, levando a bola até a ponta para Ariel fazer o seu segundo try do dia e empatando a partida.

A partida se encaminhava para seus minutos finais, quando o Jacareí sofreu um duro golpe, com a expulsão de Lucas Ceccareli, deixando o clube com um homem a menos nos dez minutos finais, enquanto a Poli viu Portuga excluído com cartão amarelo. Tate deixou mais um penal, mas Luan devolveu a liderança aos visitantes em jogada semelhante ao try anterior. A Poli devolveu na mesma moeda, com Rogério Pavão em um bom pick and go que deixou o Jacareí precisando de um try para no mínimo levar a partida para a prorrogação, e foi exatamente isso que aconteceu, com Luan deixando mais um try, mas nova conversão desperdiçada, desta vez por Drudi custou caro para os Jacarés.

A prorrogação seguiu a mesma tônica da partida, com um Jacareí muito mais cauteloso na defesa a fim de evitar o excesso de penais que foi uma marca negativa ao longo da partida para a equipe e que poderiam dar a chance de Orefice definir. O Jacareí teve um penal frontal no meio de campo e a equipe ousou, com Leo tentando o chute do meio de campo, mas a bola não chegou nos postes. Nos minutos finais, o try do título veio em uma rara falha defensiva, com Beukes abrindo rapidamente a bola na linha e encontrando Pedro Mantovani, que encontrou a brecha e passou por meio de quatro defensores. Mesmo contido, o Oitavo seguiu avançando e em um último esforço, esticou o braço para apoiar o try do título. A festa da Poli estava completa e os jogadores escreveram seu nome na história do clube.

O título coroa uma campanha incrível da Poli, com oito vitórias em nove jogos, melhor ataque, melhor defesa e maior pontuador da competição. Desde o começo do ano, o treinador Maurício Carli deixou claro que o maior objetivo do clube é o Super 8. Agora a equipe chega credenciada pelo título no principal campeonato estadual.

O Portal do Rugby elegeu Geanfranco como melhor jogador da partida, com uma menção honrosa para Marcelo Orefice que garantiu pontos essenciais para o título da Poli, e ainda coroaram o jogador como maior pontuador do estadual, com
80 pontos.

Assista ao jogo na íntegra!

Placar final: Poli (16) 38 X 33 (15) Jacareí
Poli
Tries: Geanfranco, Rafael Carnivalle, Rogério Pavão
Conversões: Marcelo Orefice (3)
Penais: Marcelo Orefice (4)

Cartão amarelo: Portuga

Jacareí
Tries: Ariel (2), Estrela, Luan (2)
Conversões: Leonardo Ceccareli
Penais: Leonardo Ceccareli (2)

Cartões amarelos: Ariel, Lucas Ceccareli
Cartão vermelho: Lucas Ceccareli